Miuccia Prada compartilha sua visão sobre a essência de sua moda experimental

24/07/2023

A visão revolucionária de Miuccia Prada: Miu Miu celebra 30 anos de moda com propósito e experimentação. 

Foto: Jamie McCarthy/Getty Images
Foto: Jamie McCarthy/Getty Images

A renomada estilista, Miuccia Prada, abriu as portas de sua casa repleta de arte em Milão para uma entrevista exclusiva com a Wmagazine, refletindo sobre os 30 anos de sua marca Miu Miu e sua trajetória no mundo da moda. Com sinceridade e autenticidade, ela compartilhou sua visão única sobre moda, sua relação com a vanguarda e seu papel como empresária.

Desde sua estreia nos anos 1980 com a introdução de bolsas e mochilas de nylon preto prático, a estética de Prada se destacou pela abordagem provocativa e o que ela descreve como "chique feio". Com o aniversário de 30 anos de Miu Miu, a marca que lhe permitiu ser mais radical e vanguardista, Prada se viu reavaliando a posição da moda em tempos difíceis e a importância de criar roupas que tenham propósito.

A estilista revelou não gostar da ideia de que a moda é um mero sonho ou uma forma de escapismo. Em vez disso, ela deseja criar coleções que tenham uma beleza única e intrigante, mas também sirvam como uma direção e um objetivo para suas clientes. Nesse sentido, o foco de suas colaborações com Raf Simons na Prada e especialmente em Miu Miu é trazer significado e reflexão através da moda, desafiando a tendência atual de posicioná-la apenas como entretenimento.

Foto: Filippo Fior/Gorunway.com
Foto: Filippo Fior/Gorunway.com

Enquanto Prada celebra o sucesso de Miu Miu, a estilista ainda expressa dúvidas sobre algumas de suas coleções consideradas as melhores por outros. Demonstrando humildade e autoavaliação, ela compartilha seu anseio por explorar a beleza e a sensualidade em suas criações, sempre em busca de desafiar o mundo real e a vida cotidiana.

Além disso, Prada revelou o desejo de evitar tendências e liderá-las, ao mesmo tempo em que compartilha sua experiência na moda com artistas e intelectuais por meio de colaborações, filmes e exibições de vídeo que enriquecem o diálogo da moda.

Com a passagem de suas responsabilidades empresariais para a próxima geração e a nomeação de Andrea Guerra como CEO do Grupo Prada, Prada sente o peso de suas responsabilidades e se vê como uma mentora, buscando transmitir conhecimento e comportamento para aqueles que seguirão seu legado.

Mesmo aos 73 anos, Mmiuccia Prada não perdeu sua paixão pela moda e sua crença no poder da expressão pessoal. Em suas coleções, ela procura ajudar as pessoas a expressar suas personalidades de forma única e autêntica, evitando clichês e estereótipos de sensualidade e beleza. Para ela, a moda é uma ferramenta para conectar cultura e identidade pessoal, trazendo significado e propósito para o mundo da moda.