Onda de assaltos em lojas de Moda em Los Angeles desperta preocupações no mercado de luxo

18/08/2023

Saques em flash mobs deixam comerciantes inquietos e levantam questões sobre o encolhimento do lucro e medidas de segurança nas lojas de moda da cidade. 

Foto: dailymail.co.uk
Foto: dailymail.co.uk

Uma série de assaltos recorrentes a lojas de moda em Los Angeles está gerando preocupações entre os comerciantes e ressaltando questões de consumo e segurança no mercado de luxo. Nos últimos meses, lojas icônicas como Nordstrom e Yves Saint Laurent foram alvo de grupos coordenados, que rapidamente saqueiam as lojas de suas mercadorias de alto valor.

No dia 13 de agosto, mais de 30 indivíduos invadiram uma loja da Nordstrom no Westfield Topanga Shopping Center, levando bolsas, roupas e outros itens estimados em mais de US$ 300 mil. O Departamento de Polícia de Los Angeles divulgou um comunicado destacando que esses crimes não apenas afetam os lucros dos varejistas, mas também minam o senso de segurança da comunidade local.

Um incidente semelhante ocorreu no dia 8 de agosto, quando uma multidão invadiu a loja Yves Saint Laurent no The Americana at Brand em Glendale. Eles roubaram cerca de US$ 300.000 em roupas e produtos antes de fugirem a pé e em veículos diversos. Esses "roubos em flash mob", como a polícia os descreve, sobrecarregam as equipes das lojas e geram uma sensação de insegurança nas áreas afetadas.

Para combater essa onda de furtos, os varejistas estão adotando medidas como horários de funcionamento mais curtos, armários de bloqueio de autoatendimento e carrinhos de compras inteligentes. No entanto, muitos comerciantes se sentem impotentes diante do problema, pedindo ação mais enérgica das autoridades.

A indignação entre os comerciantes aumentou após um assalto de US$ 100 mil em mercadorias da loja Ksubi, que ocorreu pouco antes do assalto à loja da Gucci em Westfield Century City. A falta de ação efetiva por parte das autoridades tem gerado críticas públicas, especialmente em relação ao promotor distrital do condado de Los Angeles, George Gascon, cuja política mais branda contra o crime tem sido alvo de questionamentos.

Loja Ksubi localizada na Avenida S. La Brea, 132. Foto: KTLA.com
Loja Ksubi localizada na Avenida S. La Brea, 132. Foto: KTLA.com

Em resposta a esses incidentes, o prefeito de Los Angeles anunciou a formação de uma nova força-tarefa de investigação. Composta por 22 investigadores de várias agências de aplicação da lei, incluindo a polícia de Los Angeles, Beverly Hills, Glendale e outras, a força-tarefa visa enfrentar o problema dos roubos em coordenação.

Enquanto os comerciantes esperam que essas medidas possam reduzir a incidência desses crimes, a comunidade de Los Angeles permanece vigilante, buscando um equilíbrio entre a preservação do mercado de luxo e a garantia da segurança pública. A luta contra esses ataques coordenados representa um desafio contínuo para as autoridades e os comerciantes, que buscam garantir um ambiente seguro e próspero para todos.